06/08/2010

Em frente

Acho que ninguém deve ter ficado muito satisfeito com o que se viu ontem dentro de campo. Mas apesar de tudo, o pior mesmo foram os assobios com que a nossa equipa foi brindada. Lamentável. Ao 1º jogo oficial da época em Alvalade já andamos assim, adivinha-se facilmente o que ai vem...
Meia equipa é nova, há-que dar tempo ao tempo. Esta equipa precisa de mais entrosamento, mais ritmo e confiança que só as vitórias trazem. O apoio da massa adepta é fulcral.
Independentemente disso, à conclusões óbvias a tirar: Na baliza RP merece destaque. Duas belas exibições nesta eliminatória, sem dúvida dos principais responsáveis por seguirmos em frente. Na defesa Polga é claramente uma "menos valia". Já não volta ao que foi, e não parece estar interessado em tal. Raramente ganhou duelos individuais, e esteve em quase todos os lances de perigo dos dinamarqueses. Meio campo André Santos mostrou que ainda não tem lugar nesta equipa, onde o trio Maniche-PM-Zapater parece ter lugar certo. Valdes não está em forma e Vuk apenas tem picos. Já era de esperar um pouco mais. Na frente a única certeza que salta é que não temos ponta de lança para atacar o titulo. Postiga está esforçado e confiante, mas não vai marcar 20 golos, Liedson está em curva mais que descendente e Pongolle tarda em aparecer ( a ver vamos se aparece). Matias entrou bem no jogo e Yannick já cá não está. Boa sorte e boa viagem porque já não vai fazer nada em Alvalade.
Devem entrar mais reforços nesta equipa, e acredito que vão entrar. O lugar de PL é fundamental ser preenchido por alguém capaz de nos devolver a confiança que pode marcar 30 golos por época, alguém que seja uma séria referência na área. Não alguém que venha para "ser o parceiro ideal" de Liedson, mas sim para ser ele o principal homem na área.

3 comentários:

Anónimo disse...

porque e o liedson nunca é substituido?

Anónimo disse...

Mal visto em relação ao Polga! O menino bonito Carriço é que tem dado as «casas» ultimamente, o golo dos outros é DELE. SL.l

jg1906 disse...

Eu não disse que o golo deles tinha sido culpa do Polga, só disse que o Polga esteve na maioria dos lances de perigo dos dinamarqueses. Quanto ao Carriço, no golo fica claramente nas covas, e esteve longe de estar aceitável. Mas sei que pode render muito mais. Já o mesmo não se pode dizer em relação a Polga...

SL